CURSOS ON LINE

CURSOS ON LINE
PREPARE-SE PARA OS DESAFIOS QUE ESTÃO POR VIR NO NOVO ANO QUE INICIA FAÇA CURSOS ON LINE COM CERTIFICADO GARANTIDO

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

CALENDÁRIOS PARA SALA DE AULA

OLHA QUE LINDOS ESSES AQUI FEITOS DE EVA


FONTE:

http://mariajoanaarteemartesanato.blogspot.com.br/search/label/ajudante%20do%20dia%20em%20eva

PAINÉIS DA CHAMADA,AJUDANTE E ANIVERSARIANTES


MENINAS AQUI ESTÃO ALGUMAS DICAS DE DECORAÇÃO PARA A SALA DE AULA QUE ENCONTREI NA NET.
ESPAERO QUE GOSTEM NÃO ENCONTREI OS MOLDES, MAS ELES SÃO FÁCEIS DE SEREM CRIADOS COM BONEQUINHOS QUE TEMOS EM CASA.
ATÉ A PRÓXIMA.














FONTES:

http://escolatialilia.blogspot.com.br/2011/01/modelos-de-cartazes-crachas-e-outros.html
 http://jacirinha.blogspot.com.br/

domingo, 23 de dezembro de 2012

MENSAGEM DE FINAL DE ANO



MAIS UM ANO NOVINHO CHEGANDO

É HORA DE OLHAR NAQUELA CAIXINHA QUE DEIXAMOS NOSSAS LEMBRANÇAS DO PASSADO,
E VER O QUE REALMENTE DEVEMOS CONSERVAR. O QUE DEVEMOS DESCARTAR
E OQUE DEVEMOS DEIXAR MAIS UM ANO AGUARDANDO PARA TER UMA NOVA CHANCE DE SER RESGATADO E VOLTAR A NOSSO CONVÍVIO NOVAMENTE DURANTE ESTE ANO.
É HORA DE REVER AS PESSOAS QUE AMAMOS E QUE NÃO TEMOS A OPRTUNIDADE DE VER TODOS OS DIAS, POR DIVERSOS MOTIVOS.
É HORA DE PEDIR DESCULPAS POR NOSSOS ERROS E PERDOAR OS ERROS ALHEIOS
DE DIZER-TE AMO PARA QUEM AMAMOS E ESQUECEMOS-NOS DE REPETIR TODOS OS DIAS QUE O AMAMOS,

DE RENOVAR AS AMIZADES E PRINCIPALMENTE DE RENOVAR OS SONHOS E AS ESPECTATIVAS DE TUDO QUE VENHAMOS A PASSAR NO ANO SEGUINTE
NESTE FINAL DE ANO VAMOS FAZER UMA FAXINA EM NOSSOS CORAÇÕES E TIRAR TUDO QUE NÃO NOS SERVE MAIS PRA DAR ESPAÇO PAR TODOS OS NOVOS SONHOS E NOVAS CONQUISTAS E REALIZAÇÕES QUE VIRÃO.

MAS ACIMA DE TUDO DEVEMOS AGRADECER POR TUDO DE BOM QUE NOS ACONTECEU DURANTE ESTE ANO QUE PASSOU, PELA SAÚDE, PELOS AMIGOS, PELA FAMÍLIA PELAS LIÇÕES DE VIDA, EM FIM POR TUDO DE MARAVILHOSO QUE ESTÁ ACONTECENDO EM NOSSAS VIDAS.

MUITO OBRIGADA POR TUDOOOOOO!!!!!!!!!
IVANI G.PEREIRA
FELIZ 2013!

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

SILABÁRIO COM CAIXA DE OVO

ESTA É UMA ÓTIMA IDÉIA PARA TRABALHAR COM ALFABETIZAÇÃO ONDE A CRIANÇA MONTA AS PALAVRAS TRANFORMANDO O APRENDIZADO E A LEITURA EM ALGO GOSTOSO DE FAZER.
TRABALHEI COM O SÍLABÁRIO DURANTE O ANO 2012 E ADOREI OS RESULTADOS .












FONTE: ESTE FOI EU QUE FIZ

domingo, 16 de dezembro de 2012

LEMBRANCINHAS DE NATAL




VISITE A POSTAGEM ORIGINAL EM: http://www.pragentemiuda.org/2012/12/lembrancinha-cones-de-eva-com-moldes.html?utm_

sábado, 15 de dezembro de 2012

DISCALCULIA

 

 
Setembro/2012


“O cientista político Alexandre Barros (foto) sempre foi mal em matemática. Hoje PhD em Ciência Política pela Universidade de Chicago, nos Estados Unidos, na infância e na adolescência chegou a pensar que era incompetente, já que não conseguia multiplicar ou dividir como seus colegas de classe. Segundo ele, todo o período escolar foi um horror. Fui sempre empurrado para professores particulares de matemática. Barros, 68 anos, só foi descobrir a discalculia aos 53 anos, quando já era um profissional reconhecido em sua área e tinha passado por vários obstáculos que o distúrbio poderia lhe causar. Um amigo que lhe ditava um número de telefone percebeu que Barros havia anotado os números numa ordem diferente, e disparou: “Você tem dislexia”. Surpreso, o cientista foi procurar saber mais sobre o assunto e descobriu que tinha um problema parecido com a dislexia. “Descobrir que era discalcúlicolavou a minha alma”, lembra. (Texto extraído do Jornal da Tarde de 29/09/2010).

Assim, como Barros muitas crianças também podem ser discalcúlicas e não estão correspondendo as expectativas satisfatórias de aprendizagem, por isso, pais e professores, devem estar atentos a estas questões e sempre que necessário encaminhar a criança para atendimento psicopedagógico ou neuropsicopedagógico para que a partir daí sejam feitas possíveis intervenções.
De modo bem exemplificado, a imagem abaixo, mostra alguns tópicos da discalculia:
Se os sintomas abaixo aparecem com muita intensidade, então podemos estar diante de um possível discalcúlico:
• Dificuldades frequentes com os números, confundindo os sinais: +, -, ÷ e x;
• Problemas para diferenciar o esquerdo e o direito (lateralidade);
• Falta de senso de direção (norte, sul, leste, e oeste) e pode também ter dificuldade com um compasso.
• A inabilidade de dizer qual de dois números é o maior.
• Dificuldade com tabelas de tempo, aritmética mental, etc.
• Melhor nos assuntos que requerem a lógica, do que nas fórmulas de nível elevado que requerem cálculos mais elaborados;
• Dificuldade com tempo conceitual e elaboração da passagem do tempo;
• Dificuldade com tarefas diárias, como verificar a mudança nos dias da semana e ler relógios analógicos;
• A inabilidade de compreender o planejamento financeiro ou incluí-lo no orçamento estimando, por exemplo, o custo dos artigos em uma cesta de compras;
• Dificuldade mental de estimar a medida de um objeto ou de uma distância (por exemplo, se algo está afastado 10 ou 20 metros);
• Inabilidade de apreender e recordar conceitos matemáticos, regras, fórmulas, e sequências matemáticas;
• Dificuldade de manter a contagem durante jogos;
• Dificuldade nas atividades que requerem processamento de sequências, tal como etapas de dança ou leitura, escrita e coisas que sinalizem listas,
• Pode ter o problema mesmo com uma calculadora devido às dificuldades no processo da alimentação nas variáveis.
• A circunstância pode conduzir, em casos extremos, a uma fobia da matemática e de quaisquer dispositivos matemáticos, como as relações com os números.

O psicopedagogo e o neuropsicopedagogo são profissionais indicados para avaliar e acompanhar a criança nesse momento.
Ambos profissionais iniciam a terapia visando melhorar a imagem que a criança tem de si mesma, valorizando as atividades nas quais ela se sai bem, fazendo dessa forma um regate das suas potencialidades.
Num segundo momento, se faz necessário descobrir como é o processo de aprendizagem daquela criança. Às vezes, ela tem um modo de raciocinar que não é o padrão, estabelecendo uma lógica própria que foge ao usual.
Na escola é importante que os professores desenvolvam atividades que contemplem sempre o uso de material concreto, pois essa criança necessita ter o manuseio deste material. E sempre propor atividades em que toda a turma se utilize destes materiais, procurando momentos de troca de interação com o grupo. Também, o aprender através dos jogos se faz de grande valia para crianças discálculicas, propostas de intervenção pedagógicas através desta metodologia serão assunto para próxima postagem deste blog.

Ponto de vista neuropsicopedagógico: Ir mal na disciplina de matemática onde não basta decorar conceitos, mas sim saber aplicá-los, de certa forma é algo opcional de cada indivíduo, pois requer rotinas de estudos, dedicação, empenho... Entretanto, se faz necessário uma investigação mais profunda quando o problema envolve os sintomas alertados anteriormente.

Referências:

ANTUNES, Celso. Jogos para estimulação das Múltiplas Inteligências. 13ª edição. Petrópolis: Vozes, 1998.

BASTOS, J.A. O cérebro e a matemática. São Paulo: Edição do
Autor, 2008

CIASCA, Sylvia M. Distúrbios de aprendizagem: proposta de avaliação interdisciplinar. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2003.

GARCIA, J.N. Manual de dificuldades de aprendizagem. Linguagem, leitura, escrita e matemática. Porto Alegre: Artes Médicas, 1998.

GRANDO, R.C. O jogo e a matemática no contexto da sala de aula.São Paulo: Paulus, 2004.

SILVA, Willian R. C. Discalculia: Uma abordagem à Luz da Educação Matemática. Projeto de Iniciação Científica. São Paulo: Universidade Guarulhos, 2008. Disponível em:http://www.educadores.diaadia.pr.gov.br/arquivos/File/2010/artigos_teses/MATEMATICA/Monografia_Silva.pdf


quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

CARTÕES DE NATAL COM PAPEL RECICLADO

GENTE! ESTOU POSTANDO OS CARTÕES DA IRINÉIA QUE PROF DE UMA APAE E FAZ UM LINDO TRABALHO OLHA QUE LINDOS ESTES CARÕES CONFECCIONADOS POR ELA E PELAS COLEGAS DE SUA ESCOLA. ELA ESTÁ DE PARABÉNS!
Estes cartões são confeccionados pelos alunos adultos Deficientes Intelectuais com auxílio das professoras. O papel reciclado os alunos fazem na escola também. Papel artesanal de bagaço de cana com celulose colorida.

                                                     Cartão de Natal com Papel Reciclado.



Árvore de Natal com papel de bala.
Esta árvore foi feita com papel de balas, cone de papel cartão cabo de vassoura, vaso de PVC. foi também usado uma estrela para decorar.

Árvore de Natal feita com garrafas PET
Esta árvore foi feita de garrafa PET, cabo de vassoura lata de milho, as flores são de lisolene
 VISITE O BLOG DA IRINÉIA VOCÊS VÃO ADORAR:http://papelartesanaliks.blogspot.com.br/2012/11/artesanatos-e-cartoes-feitos-na-minha.html

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

A SEQUÊNCIA DE FIBONACCI




FIBONACCI

Individualidade – A marca de qualquer artista, designer ou arquitecto, cada um deseja para as suas criações a qualidade que os separa de todos os demais e os homens naturalmente têm essa individualidade nas suas impressões digitais, existem 6.5 biliões de pessoas sobre a Terra e nenhuma impressão digital é igual a outra, tudo em que tocamos ou entramos contacto é marcado com pequenas imagens impressas revelando para quem quer que seja quem esteve ali.

Por volta de 1200 d. C. um homem chamado Leonardo Pisano, também conhecido por Fibonacci, descobriu uma sequência de números que criou um padrão muito interessante, essa sequência começa com os números 0, 1, 1, 2, 3, 5, 8, 13, 21, 34… e segue em uma continuidade infinita. Cada número é obtido somando os dois últimos dígitos dessa sequência. Um rectângulo com dois números dessa sequência interligados forma aquilo que é conhecido como o Rectângulo de Ouro – um rectângulo perfeito.

RECTÂNGULO FIBONACCI


Um retângulo de ouro pode ser dividido em quadrados do tamanho do próximo número da sequência fibonacci em cima e em baixo se quisesse-mos conseguir um retângulo perfeito ou de Ouro, dividindo-o  em pequenos quadrados, baseando-se na sequência fibonacci e dividindo cada um com um arco, o padrão começa a tomar forma veremos formar-se a espiral de fibonacci.
A espiral em si mesma é insignificante o que importa é saber onde é que nós a encontramos.

GIRASOL

Pegamos, por exemplo, os girassóis, a formação de seus flósculos estão em perfeitas espirais de 55, 34 e 21, da sequência de fibonacci os frutinhos (bagas) do abacaxi (ananás) formam a mesma espiral da sequência, tal qual as corrente que se movem no oceano e as pequenas ondas na praia e as ondas da maré curvam-se numa espiral que pode ser identificada nos pontos do diagrama matemático: 1, 1, 2, 3, 5, 8, 13, 21,34. Os Ramos das árvores, as bolachas-do-mar, a estrela do mar, as pétalas das flores e especialmente as conchas náutilos são formadas exatamente por esse mesmo plano.

CONCHA NAUTILUS


O náutilos acrescenta a si mesmo em cada do crescimento da sua concha, mais um número da escala fibonacci esse plano pode ser visto á nossa volta em escalas menores a cada dia, mas o maior exemplo de todos está justamente bem em cima de nossas cabeças atravessando uma média de 100 mil anos-luz, até mesmo nas espirais das galáxias acima de nós são formadas, como o mesmo design que as pequenas conchas são formadas, essa sequência ou plano parece ser a marca de um Designer a prova de um Criador algo deixado para trás no jogo de quem esteve ali, uma impressão digital. E enquanto scaneamos o universo desde a pequena flor até a todas as espirais das galáxias nós vemos a impressão digital de Deus e somos obrigados a  perguntar-nos: QUEM É DEUS?

SEQUÊNCIA FEBONACCI

DISPONÍVEL EM: http://codigodacultura.wordpress.com/2010/04/30/a-sequencia-de-fibonacci/